Smart Puppy
Sithon Technologies
Dogue allemand

Dogue alemão, também chamado de cão dinamarquês, é uma raça canina oriunda da Alemanha, conhecida pelo seu porte gigante. Possui temperamento calmo e equilibrado, sendo utilizado para guarda e companhia. É descrito pelo padrão como um cão ao mesmo tempo elegante e imponente. É a raça do cão mais alto do mundo, segundo o Guiness Book: Zeus, com 1,12 m de altura na cernelha, e também a maior fêmea: Lizzy, com 96,41 cm na cernelha.

Características

Anatomia geral e estrutura externa

O dogue alemão ideal é descrito como uma “escultura nobre”, por sua aparência que concilia imponência e elegância. Um dogue bem proporcionado é um cão ao mesmo tempo forte e ágil, o que é fundamental para suas funções originais, a caça e guarda. É considerado o Apolo entre as raças caninas.

A raça se destaca pelo seu tamanho. A altura média da raça é de cerca de 86 cm, a mínima na cernelha exigida pelo padrão é de 72 cm para as fêmeas e 80 cm para os machos, porém não raro se encontram exemplares que ultrapassam os 90 cm de altura e 70 kg de peso. O padrão não especifica peso ou altura máximos. Cães de maior tamanho são desejáveis, desde que respeitem as proporções exigidas pelo padrão.

Pelagem e variedades

O pelo do dogue alemão é curto, denso, rente ao corpo e brilhante. Pelagem dupla ou fosca são consideradas faltas.

O padrão da raça define cinco cores aceitas:

  • Dourado: pelagem dourada (castanha ou fulva), sem manchas brancas, sendo aceitos tons claros ou escuros. Devem ter uma máscara negra envolvendo focinho e olhos. Orelhas costumam ser de tom mais escuro que o restante do corpo.
  • Tigrado: cor de fundo igual ao dourado, com listras pretas bem definidas. Assim como no dourado, manchas brancas são faltas desqualificantes.
  • Arlequim: cor de fundo branco puro, com manchas negras de formato irregular, bem distribuídas pelo corpo. Trufa despigmentada (rosa), olhos claros ou um olho de cada cor são aceitos, porém menos desejáveis.
  • Preto: cor negra. São admitidas manchas brancas no peito e pés. O cão negro com pescoço, peito, patas, focinho e ponta da cauda brancas é chamado de mantado ou boston (pela semelhança com a marcação típica do boston terrier. O cão branco com a área do crânio e orelhas negras, com poucas manchas grandes no dorso, é chamado de preto plaqueado.
  • Azul: cor cinza-azulada (azul-aço). São permitidas pequenas manchas brancas no peito e patas.

Saúde

Como é comum em cães de porte gigante, os dogues alemães tem uma expectativa de vida relativamente curta, por volta de 6 a 8 anos, embora em casos raros alcancem até 14 anos de idade. As causas de morte mais comuns são torção gástrica, cardiopatias e câncer. Entre os tipos de câncer mais comuns na raça são estão o osteosarcoma, linfomas e tumores mamários.

O estômago do dogue alemão é longo e sujeito à Síndrome da dilatação vólvulo-gástrica, também conhecida como torção gástrica. Nesta situação o estômago dilatado gira sobre si mesmo, impedindo a drenagem estomacal, conseqüentemente comprimindo a circulação e a respiração. Os sintomas comuns são inchaço abdominal, prostração, mucosas pálidas e dificuldade respiratória. É uma situação de emergência, pois leva à morte em poucas horas. O cão nestas condições deve receber cuidados veterinários imediatamente, já que o único tratamento possível é cirúrgico. Para evitar o problema, as refeições devem ser moderadas, fracionadas em duas ou três porções diárias, e em horários determinados. Também deve-se evitar que o cão beba muita água ou faça exercícios após as refeições.

Temperamento

O dogue alemão ideal é um cão calmo, extremamente dócil com a família, porém reservado com estranhos. É um guarda equilibrado, que não ataca sem necessidade, mas quando o faz, tem ataque de alto impacto. Seu tamanho e força, aliados a uma agilidade que o permite cobrir grandes distâncias, o tornam um excelente guardião de propriedades. Infelizmente, devido a cruzamentos indiscriminados, muitos dogues perderam a aptidão para guarda. Por esse motivo, deve-se conhecer os pais da ninhada antes de escolher o filhote, e excluir da reprodução os cães com falhas de temperamento.

Temperamento nervoso, medroso ou facilmente provocável é considerado falta pelo padrão. Timidez e agressividade excessiva são consideradas faltas graves.

DOGUE ALEMÃO. In: WIKIPÉDIA, a enciclopédia livre. Flórida: Wikimedia Foundation, 2017. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/w/index.php?title=Dogue_alem%C3%A3o&oldid=49025106>.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *